Elope with me, Miss Crapper!

san-francisco-0121

Elope with me Miss Private and we’ll sail around the world
I will be your Ferdinand and you my wayward girl
How many nights of talking in hotel rooms can you take?
How many nights of limping round on pagan holidays?
Oh elope with me in private and we’ll set something ablaze
A trail for the devil to erase

Talvez nós devêssemos chamar uma a outra por nomes secretos, porque Crapper já está difundido demais. E juntas nós vamos sair por esse mundo, fugidas e livres, bem como só os nossos sonhos alcançam e mais ou menos do jeito que você está fazendo e eu estou morrendo de inveja.

San Francisco’s calling us, the Giants and Mets will play
Piazza, New York catcher, are you straight or are you gay?
We hung about the stadium, we’ve got no place to stay
We hung about the tenderloin and tenderly you tell
About the saddest ending of a book you ever had to read
The statue’s crying too and well he may

São nossos, São Francisco e jogos de baseball. Horas em trollers passeando naquela cidade linda cheia de morros e sabendo que iamos nos separar, mas sem medo. E cachorros quentes comidos na tentativa vã de me fazer assistir o jogo mais chato do planeta. E como a frase “are you straight or are you gay” sempre nos torturou e todas as horas tentando descobrir sobre todos aqueles garotos…  e como sempre a gritávamos mais alto quando escutávamos essa música. E todas as horas conversando sobre qualquer coisa e todo aquele papo pretensioso sobre tudo.

I love you I’ve a drowning grip on your adoring face
I love you my responsibility has found a place
Beside you and strong warnings in the guise of gentle words
Come wave upon me from the wider family net absurd
“You’ll take care of her, I know it, you will do a better job”
Maybe, but not what she deserves

A gente vive tentando explicar a ligação surreal que nos une, mas o fato é que ninguém me entende, e quer me entender, mais que você. Vimos a vida uma da outra e sabemos cuidar uma da outra. É de eterno isso.

Elope with me Miss Private and we’ll drink ourselves awake
We’ll taste the coffee houses and award certificates
A privy seal to keep the feel of 1960 style
We’ll comment on the decor and we’ll help the passer by
And at dusk when work is over we’ll continue the debate
In a borrowed bedroom virginal and spare

We will drink ourselves away e fazer todos os programas Jen-Alice que são a melhor coisa que esse mundo já viu, seja pra noites de segunda-feira vazias, terças-feiras frias, quartas-feiras tristes, quinta-feiras animadas, sexta-feiras alegres, sábados apaixonados ou domingos sonolentos. Seja no sofá verde vendo Bones e discutindo qual dos personagens vamos casar, seja em um avião, sobrevoando o Colorado e comendo M&Ms.

The catcher hits for .318 and catches every day
The pitcher puts religion first and rests on holidays
He goes into cathedrals and lies prostrate on the floor
He knows the drink affects his speed he’s praying for
a doorway
Back into the life he wants and the confession of the bench
Life outside the diamond is a wrench

E todas as malas no metrô? E as decisões gigantes que tomamos juntas? Em 10 anos a gente pode até não se falar, mas tenho certeza que o tempo que passamos juntas vai ser dos mais importantes das nossas vidas. Por mais que vivamos coisas mais empolgantes, mais marcantes, nada vai superar tomar rum na táboa de passar roupa fingindo que é um bar.

I wish that you were here with me to pass the dull weekend
I know it wouldn’t come to love, my heroine pretend
A lady stepping from the songs we love until this day
You’d settle for an epitaph like “Walk Away, Renee”
The sun upon the roof in winter will draw you out like
a flower
Meet you at the statue in an hour
Meet you at the statue in an hour

Eu realmente gostaria que você estivesse aqui agora e sorrio, bem bonito, porque dia desses você vai chegar. Te encontro naquele primeiro banco entre o Sculptural Garden e o museu de História Natural e vamos andando pra casa, ok?
Amo você absurdamente. E essa música é nossa. Seja em DC, na Califórnia, no Brasil, na Bolívia ou seja lá em qual selva de país latino-americano você esteja se entrenhando dando uns amassos fortes em um israelense!

(Belle and Sebastian – Piazza, New York Catcher).

Maybe you don’t think this our song. Maybe you listen to a random Brazilian tune and think “Oh, this is so Alice”. But I don’t care, I couldn’t care less. This is our song and get over it. Love ya forever. Te extrãno, Señorita Hecker. Me haces mucha falta.

2 thoughts on “Elope with me, Miss Crapper!

  1. Ok i think the first time I read this i didnt really understand all that well (it is in portuguese) Alice, I we had such wonderful times. Where one earth could I ever find a friend like you? (the answer is no where but where ever you are!). WHen will we be reunited???

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s