Não alcançando o meu melhor

Aquele tipo de pessoa que, ao você contar sobre um emprego novo, te pergunta o quanto você vai ganhar, é o que? No meu caso, essa pessoa é uma tia.

Ela vê como única opção viável de vida o funcionalismo público e seus salários exorbitantes – exploradores da sociedade e até imorais (meu mais novo argumento contrário) – como única opção de vida. Aliás, única chance de se ganhar decentemente nesse país – ah, isso e a medicina, faculdade que a filha dela cursa.

Quando eu entrei em Relações Internacionais, escutei, dela, a clássica “mas pra que estudar num colégio tão bom pra fazer uma particular?”. Fiz porque quis e meus pais permitiram, dá pra me deixar?

Uma vez no curso, vêm a pergunta “mas como alguém que faz RI não quer ser diplomata”. Não quero, uai. Dá pra ser ou tá difícil.

Ai eu fiz aquilo que gerou até horror até nos meus pais: larguei o emprego ótimo nos EUA e voltei pra terras tupiniquins: “mas agora você vai fazer concurso público, né? Você é tão preparada”.

E olha, vou te dizer que até pensei nos 14 mil reais de um concurso do Banco Central como solução pros meus problemas, mas em 3 meses de estudo eu já não encontrava mais motivação pra abrir um livro, nem mesmo o salário. “Mas é fácil falar agora, você não tem família, não tem filho” e eu pouco me importando.

“O mercado privado remunera muito mal, e o terceiro setor, Alice, pra que ir pra um que paga ainda pior?”. Porque a vida não é só isso?

Na verdade eu estou sendo gentil comigo mesma. Raramente, há não ser mais recentemente, tive respostas tão firmes e não fiquei ofendida com quem dizia coisas que nem meus pais se deram o direito de dizer.  Com o tempo eu aprendi que minha tia vê o mundo numa caixinha cujo modelo é o que ela vive, pensa e faz, e olha, se tem alguém quer encaixar nesse molde, sou eu.

“Mas não tô dizendo de certo e errado, Alice, só que sua vida vai ser mais difícil do que precisa ser, desse jeito você não vai alcançar o seu melhor”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s