Só precisamos sair por ai

Vou contar uma coisa vergonhosa, e por isso um tanto quanto secreta, mas tenho uma fotógrafa favorita de casamentos*. Começou com o casamento de uma irmã de um amigo e dali em diante foram alguns anos acessando o blog para ver outros casamentos. SIM. Finalmente atingi o clichê que cerca a vida de quem tem quase 30 anos: adoro fotos de casamento. Mas enfim. Acho que faz parte do ciclo da vida ou algo assim, porque já vi inclusive amigas que juram de pé juntos que não-acreditam-em-casamento escolhendo estilo de vestido de noiva (pra casar com alguém inexistente até o momento).

Acontece que minha fotógrafa favorita de casamentos, alguns meses atrás, parou com tudo e foi dar uma volta ao mundo. Assim mesmo, tirar altas da vida e ir passear. E eu fiquei por aqui me contentando com as fotos de casamentos de amigos e conhecidos no facebook, porque afinal, os 30 só se aproximam. E sempre esse pensamento clichê da encalhada que soy: MAS MEU DEUS DO CÉU, PORQUE TÁ TODO MUNDO CASANDO E EU EM CASA NUMA SEXTA A NOITE? (sim, eu sei, são interligados os fatos, tô consciente).

Eis que a moça (fotógrafa favorita) volta de viagem. E faz um post que me gera alegria tremeda – ela voltou! Mas no meio do post ela conta que tava passeando no Egito e conheceu um inglês, eles se apaixonaram e ela tá mudando pra lá. Assim. Acabou fotos de casamento e ainda por cima ela tá me abandonando para ser ~feliz para sempre~. Puxa.

Recapitulando, em seis meses: pausa a vida pra dar volta ao mundo, vai pro Egito, pega um gringo, se apaixona, muda pra Inglaterra.

Tá bom. Pra quem passou anos vendo o amor dos outros (e os retratando de maneira incrível), é mais que merecido. Né? O universo é um lugar justo.

Justo, né, universo?

Eu sei que esse tipo de coisa acontece com os predispostos, da minha casa às sextas-a-noite é que eu não vou mudar minha vida inteira. Vou sair mais, tá bom, universo? Quem sabe ir pro Egito (“tem que ter charme para dança bonito” – É o Tchan).

Ass: Bridget Jones, uma gordinha atrapalhada.

é sim, é duma hipocrisia profunda o conteúdo do post e a foto em questão.

* É isso ai mesmo que você leu (Se quiser depois passo o link, inclusive. E ainda mostro meu casamento favorito. *-*)

One thought on “Só precisamos sair por ai

  1. Nunca escolhi um fotógrafo de casamento como meu favorito, mas sempre em sites aleatórios para ver, inclusive vídeos. Assisto programas de TV em busca do vestido perfeito e volta e meia também procuro ideias de lembrancinhas pra chá de panela. Enquanto isso, nenhum pretendente. Louca, sim ou claro?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s