Can you find my cry?

Na sexta o governo publicou uma portaria que é bastante ruim para a gente. E meio, na verdade bastante, preocupada, mandei a mesma para minha hermana advogata ler, analisar e me ajudar a entender. Na sexta, também, saiu o resultado de um concurso público no qual a mesma irmã foi aprovada. Eu, bastante egoisticamente, continuei mais chorandinha que feliz, e também fiquei pensando que o jogo virou, queridinha, agora eu vou ser a irmã pobre.

Então a gente comprou uma pizza e enquanto isso a minha irmã e o namorado foram a Disney 3 vezes, compraram um apartamento e planejaram uma ida à Lua, só na imaginação. Ao mesmo tempo, eu pensava que, caso de fato o governo mantenha essa decisão que nos fode, e meu futuro promissor esteja mesmo ameaçado, eu podia vender bijoux na praia. Isso se eu aprender a fazer bijouteria.

No sábado, eu tava lá vendo o primeiro tempo da partida do Galo quando chegaram os amigos da minha irmã pra comemorar. Tomaram meu lugar no sofá e faziam muito barulho. Pra sorte deles meu mal humor não durou muito porque fui pra uma festa alheia. E o Galo venceu de 3×0.

No domingo rolou o mesmo, tarra lá vendo a humilhação do Parmera e minha irmã chegou com uns casais de amigos. Asilada no meu quarto, fiquei bastante brava com a felicidade alheia e dei meus chiliquinhos internos. Fui reclamar de infelicidade e irritação com o namorado e ele mandou eu deixar minha irmã ser feliz.

Mas eu sou muito uma injustiçada.

(e uma ciumenta)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s